02/03/2017 às 18:44 - Atualizado em 02/03/2017 às 18:46

Artigo - Capital da Cerveja

A aprovação no Congresso Nacional do projeto de lei que transforma Blumenau na Capital Nacional da Cerveja é uma conquista imensa. A cidade poderá desenvolver com mais rapidez e segurança a indústria e o mercado das cervejarias artesanais, mercado esse pautado por um consumidor exigente e pela qualidade do produto.
 
Será outro importante passo para que o Turismo de Blumenau chegue ao patamar que sempre mereceu. E aqui, temos que agradecer o deputado federal e ex-prefeito Décio Lima pela proposta, de sua autoria, e o empenho de Dalírio Beber pela sua aprovação no Senado.

O Turismo em Blumenau passou a ser visto como atividade econômica de fato no governo Carlos Curt Zadrozny (1966-1970). Junto com a Comissão Municipal de Turismo, a administração municipal publicou anúncio na revista "Seleções", uma das campeãs de vendagens à época. O título era "Adivinhe que País é este?".

Era uma época em que o turismo era feito por ônibus ou carro, e Blumenau fazia parte dos roteiros pelo Sul do Brasil. Nossa indústria era ainda pequena, com a distribuição de seus produtos concentrada nas grandes capitais. Os turistas vinham para Santa Catarina para comprar.
 
Só que os tempos mudam. Nossas indústrias cresceram e tornaram-se referência em cada segmento. A distribuição deu um salto, e os produtos passaram a ser encontrados em qualquer parte do país. O transporte áereo tornou-se mais barato e prático, mudou roteiros e hábitos do turista.
 
No fim da década de 1970, a CDL e a Comissão de Turismo – que contavam com vários integrantes em comum e trabalhavam em parceria – passaram a procurar junto com os gestores municipais do Turismo as alternativas para resgatar o turista. Daí surgiu a ideia de criar a Oktoberfest.
 
Mais recentemente, o Festival Brasileiro da Cerveja tornou-se um evento de proporções nacionais. A criação da Rota Vale da Cerveja foi outra excelente iniciativa.
 
A qualidade do produto sempre foi nosso diferencial. E dezenas, se não centenas de pessoas, estão trabalhando muito para que esse potencial seja cada vez melhor aproveitado. Parabéns a todos os que participam dessa “mobilização cervejeira” nas empresas, entidades associativas, no governo e no legislativo. Quem ganha é a gente de Blumenau!
 
Emílio Rossmark Schramm – Empresário e Presidente do SINDILOJAS Blumenau
Problemas com a imagem

Sobre o Sindicato

Sindicato do Comércio Varejista de Blumenau

  • Endereço:
    Rua Eugen Fouquet, 133 - Victor Konder
  • CEP: 89012-140
  • Processo: 349
  • Telefone(s): (47) 3221-5750 / (47) 99971-0940
    Fax:
  • Email contato: sindilojas@sindilojasblumenau.com.br
  • Presidente:
    EMÍLIO ROSSMARK SCHRAMM