20/05/2021 às 15:54 - Atualizado em 20/05/2021 às 15:54

Pesquisa de avaliação do dia das mães traz indicativos de retomada no consumo

A efetivação das compras de dias das mães em 2021 voltou aos níveis de antes da pandemia de Covid-19, após considerável queda em 2020. Se no ano anterior os consumidores desistiram de efetivar as compras para a data, com a menor taxa de efetivação da série histórica, em 2021 o taxa volta aos índices pré-pandemia (84,1%).

> Leia a pesquisa na íntegra

Paralelamente, também teve aumento das compras remotas (sites, aplicativos, telefones), dado que pode estar relacionado ao agravamento da pandemia no país e no estado, mas também com a adaptação das empresas e consumidores com as compras remotas.

O gasto médio efetivado também voltou a crescer na data (21,5%), depois de sofrer queda em 2020, apontando para um comportamento mais otimista do consumidor- este aumento dialoga com os dados que a pesquisa de Intenção de Compras também indicava. A busca pela “normalidade” pode ser observada também em dados como a forma de entrega e comemoração, com aumento das entregas presenciais e realização de comemorações.

A pesquisa foi realizada com 407 consumidores em sete cidades: Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Itajaí, Joinville e Lages.

Fonte: Fecomércio SC